PORTAL OESTE NEWS

PORTAL OESTE NEWS
O RN PASSA POR AQUI! - A MAIOR FONTE DE INFORMAÇÕES ANTIGAS E ATUAIS DO RN, COM 12 BLOGS E 988 LINKS. CRIADO A 28 DE DEZEMBRO DE 2008, PELO STPM JOTA MARIA, COM A COLABORAÇÃO DE JOTAEMESHON WHAKYSHON, JULLYETTH BEZERRA E JOTA JÚNIOR # MOSSORÓ-RN

quinta-feira, 31 de dezembro de 2009


PREFEITO MAIS NOVO DO RIO GRANDE DO NORTE

ELEITO EM 05/10/2009

POSSE EM 01/01/2009

JOSÉ DE NICODEMO FERREIRA JÚNIOR , natural de Rafael Fernandes, com 24 anos, nascido a 12 de outubro de 1985, empresário, com 1.794 VOTOS, cerca de 50,03 POR CENTO dos votos do município de RAFAEL FERNANDES

VICE-PREFEITO

JOSE RANIERE DO NASCIMENTO, Pau dos Ferros, nascido a 21/01/83, empresário

CANDIDATOS DERROTADOS:

FRANCISCO VANDILSON DE OLIVEIRA, natural de Rafael Fernandes, nascido a 24/1/69, advogado, com 1.651 2º 46,04

VICE

FRANCISCO SERGIO SENA, Rafael Fernandes, nascido a 16/1/69

NICOLAS CARNEIRO DO NASCIMENTO , natural de São Paulo, nascido a 27 de dezembro de 1976, com 141 3º 3,93

Vice

DESIO CHAFAS DE ARAÚJO, natural de Rafael Fernandes, nascido a 4 de agosto de 1954

quarta-feira, 30 de dezembro de 2009

EX-PREFEITOS DE RAFAEL FERNANDES

O município de Rafael Fernandes criado pela Lei nº 2.694, de 21 de outubro de 1963, sancionado pelo então governador Aluízio Alves, talvez, foi o único dos municípios criados na década de 1960 que não teve prefeito interino e somente foi instalado no dia 7 de fevereiro de 1965, quando nessa data tomou posse o primeiro prefeito constitucional do novo município, na pessoa do senhor ANTONIO JUSTINO DE OLIVEIRA, eleito no pleito eleitoral do dia 24 de janeiro de 1965, que teve como vice-prefeito o senhor Egidio Chagas do Nascimento
PREFEITOS
1 – Antonio Justino de Oliveira
Eleito em 24/01/1965
Posse em 07/02/1965
2 – Cláudio Gabriel de Macedo
Eleito em 15/11/1969
Posse em 31/01/1970
VICE – Cesário Chaves de Oliveira
3 – Nilton Silva de Oliveira
Eleito em 15/11/1972
Posse em 31/01/1972
VICE – Josemar de Oliveira Pinheiro
4 – Maneol Francisco da Costa
Eleito em 15/11/1976
Posse em 31/01/1977
VICE – Sebastião Francisco de Sena
5 – Neuzimar Fernandes
Eleito em 15/11/1982
Posse em 31/01/1983
VICE – Luiz Ferreira Sobrinho
6 – JOSÉ FERNADES DE OLIVEIRA
Eleito em 15/11/1988
Posse em 01/01/1989
VICE – Francisco Edinaldo da Costa

7 – LUZIMAR CARVALHO DE OLIVEIRA
Eleito em 03/10/1992
Eleito em 01/01/1993

7 – José Nicodemos Ferreira
Eleito em 03/10/1996
Posse em 01/01/1997
VICE - Francisco Sergio Sena
8 – MÁRIO COSTA DE OLIVEIRA
Eleito em 01/10/2000
Posse em 01/01/2001
9 – Mário Costa de Oliveira
Reeleito em 03/10/2004
POSSE EM 01/01/2005

Natural de Rafael Fernandes-RN, a 16 de março de 1969, filho de Josemar de Oliveira Pinheiro e de Maria de Lourdes Costa. Em 1º de outubro de 2001 foi eleito prefeito de sua terra natal, pela legenda do PFL, com 1504 votos, vencendo seu opositor, o prefeito José de Nicodemos Ferreira (PMDBB), que obteve 1337 votos, com maioria de 167 votos. Em 3 de outubro de 2004, foi reeleito, dessa vez pela legenda do PSB, com 1787 votos novamente derrotando o ex-prefeito José de Nicodemos, que obteve 1383 votos, com maioria de 409 votos.

MAOS

MAIS

MAIS

FRANCUSCO EVILAILSON SOUZA - CHICO VILLA



O teatro potiguar perde a irreverência e a transgressão de Francisco Evilailson Souza, o Chico Villa, que sempre rompeu limites em busca de novas experiências cênicas. Vítima de um aneurisma cerebral hemorrágico, ele morreu por volta das 9 horas do dia 25 de outubro de 2005, no Hospital Tarcísio Maia, em Mossoró, onde estava internado há sete dias. A morte cerebral do ator e produtor foi confirmada instantes depois que passou mal e desmaiou no colo da mãe. A família ainda aguardava a recuperação, apesar dos médicos afirmarem que seria muito difícil. O corpo está sendo velado na capela Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e o enterro será às 9h de hoje no novo cemitério da referida cidade.Considerado uma das maiores expressões potiguares das artes cênicas, ele morreu no mesmo dia da semana, e no mesmo horário, no qual foi acometido pelo aneurisma na terça-feira da semana passada. Nascido em Rafael Fernandes, Alto Oeste potiguar, Chico Villa, 44 anos, era um dos artistas mais importantes e influentes do Rio Grande do Norte. Começou sua formação de ator, em 1970, no circo e nas apresentações de mamulengos nos terreiros das casas, mercados e feiras do sertão. Na década de 80 fez parte, ao lado de pessoas como João Marcelino, Marcus Bulhões, Costa Filho, Dimas Carlos e Carlos Nereu, de grupos de teatro como Esquina Colorida e Estabanada Companhia de Teatro. Grupos que se tornaram conhecidos pela inovação e pela vanguarda que até hoje inspiram atores que já atuavam naquela época, além daqueles que estão iniciando a trajetória.‘‘Quando conheci o trabalho de Chico ele fazia parte do grupo Esquina Colorida, foi um dos seus primeiros trabalhos como ator. Depois veio o grande sucesso Quem beliscou Paulinho?. Era a história de um vampiro no divã, cheia de humor e de questões políticas do país na época. Era uma colagem de textos feita por Marcus Bulhões e por Chico que vivia a psicanalista. A peça tinha um grande time, além deles dois João Marcelino fazia uma governanta, Bulhões o próprio Paulinho, Carlos Nereu fazia direção, a música era de Danilo Guanais e a luz de Castelo Casado’’, relata diretor teatral Sávio Araújo.Para Sávio, ‘‘Chico sempre foi muito inquieto, sempre estava em busca de um novo desafio. Era uma pessoa irreverente mas conseqüente, transgressor mas responsável. Não se conformava com os limites, buscava o novo, novas experiências. Tudo de uma forma muito saudável. Também tinha um movimento de cena muito interessante, muito particular. Eram ações que fugiam do cotidiano’’, complementa Sávio.Chico também desenvolveu um trabalho na Companhia de Teatro de Repertório do Sesi e criou vários outros grupos teatrais, além de participar do elenco da TV Universitária. O artista partiu para o Sudeste, Rio de Janeiro e São Paulo, onde aperfeiçoou a dramaturgia junto a nomes como Eugênio Barba, Gerald Thomas, Antônio Abujamra e Denilto Gomes. Chico Villa recebeu muitos prêmios e participou de vários festivais sendo considerado o melhor ator.Atualmente ele morava em São Paulo, mas estava em Mossoró desenvolvendo o espetáculo Benedito. Ele ficaria no estado durante alguns meses, período no qual o amigo Marcus Bulhões está na Espanha fazendo mestrado. Em seu retorno, os dois iriam se encontram em São Paulo para juntos desenvolveram um projeto na USP.

FONTE - BLOGG

ALMA DO BECO

mais

mais